A INFLUÊNCIA DO FLUXO DE CAIXA COMO FERRAMENTA GERENCIAL NAS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS

  • Adriane Andrade Faculdade da Serra Gaúcha
  • Ângela Boff
  • Cristiane Bertin
  • Viviane Gasperin Baesso
  • Odir Berlatto

Resumo

No Brasil a maioria dos negócios em funcionamento é constituída de micro e pequenas empresas e por isso são de fundamental importância para a economia do país. Estas organizações são grandes geradoras de riquezas e empregos, o que colabora de maneira significativa para o aumento do PIB em nosso país. O mercado competitivo tem evidenciado as dificuldades que micro e pequenos empresários têm de trabalhar com ferramentas de controle, planejamento e avaliação financeira. O estudo teve como objetivo avaliar a forma com que o fluxo de caixa contribui no controle diário financeiro e na continuidade das micro e pequenas empresas, através de pesquisa de natureza exploratória com abordagem descritiva quali-quantitativa. Uma das formas utilizadas foi o método de levantamento de dados, aplicando questões a empresários, consultores, gestores de micro e pequenas empresas e acadêmicos do curso de Ciências Contábeis. O mesmo veio demonstrar a importância da utilização da demonstração do fluxo de caixa como ferramenta gerencial e financeira para controle e tomadas de decisões a curto, médio e longo prazo, de forma que, aplicado em micro e pequenas empresas, auxilia na gestão, gera benefícios a entidade e redução dos motivos que as levam a mortalidade.
Seção
Artigos