RELAÇÃO ENTRE A VIOLÊNCIA NO TRÂNSITO E TREINAMENTOS CORPORATIVOS PARA MOTORISTAS

  • Denise Gicele Bolson Faculdade da Serra Gaúcha
  • Katiuscia Machado Beck
  • Liliam Aparecida Rodrigues
  • Odir Berlatto

Resumo

A agressividade no trânsito é um problema social. No setor de logística das empresas é onde se enfrentam problemas com atrasos, normalmente provocados por motoristas mal treinados. Visando solucionar este problema, para melhor atender seus clientes e buscar melhor qualidade de vida para seus funcionários, as empresas adotam treinamentos específicos com o intuito de maximizar os lucros e reduzir os custos. O estudo foi desenvolvido através de pesquisa exploratória do tipo estatística descritiva e análise de conteúdo. Foi utilizada a pesquisa bibliográfica e o método de levantamento, aplicado através de questionário e entrevista com profissionais do setor estudado. Nesse cenário o desafio do gestor foi identificar o treinamento mais adequado para coibir possíveis desvios de comportamento dos motoristas no trânsito, estando ele a serviço ou não da empresa. Foi concluído que o treinamento é um ponto chave na redução de acidentes, e manutenção da frota. Através da analise de dados foi possível verificar que os motoristas treinados são mais comprometidos com a empresa, pois se sentem valorizados e motivados. A análise dos dados permitiu verificar a importância que os treinamentos aplicados, desenvolvem para o bom andamento do trabalho e a motivação dos motoristas em desempenhar suas tarefas com maior responsabilidade.
Seção
Artigos