ASSÉDIO MORAL NO TRABALHO

  • Gabriela Maria Gregoreki Barazzetti FSG - Centro Universitário
  • Ana Cláudia Baratieri Zampieri
  • Bárbara de Oliveira Scherer
  • Carolina Aparecida Vanin
  • Jéssica Brunetta
  • Mônica Soares

Resumo

As relações entre o homem e o trabalho sofreram diversas mudanças ao longo dos séculos, e as transformações socioculturais ocorridas nas organizações em função disso podem estar relacionadas ao fenômeno do assédio moral, uma vez que se evidencia um desequilíbrio do poder presente neste contexto (MOURA, 2014). Entendendo o assédio moral como uma problemática atual, com consequências que prejudicam tanto à vítima quanto às organizações, e percebendo como necessária a adoção de medidas de prevenção para que esses tipos de comportamento cessem, bem como essencial o incentivo para que as vítimas notifiquem esta violência junto aos órgãos competentes, foi desenvolvido, a partir deste estudo, um folheto informativo sobre o tema, tendo como objetivo a conscientização e a identificação das práticas que indicam o assédio moral, bem como a divulgação de canais e meios para a denúncia.

Biografia do Autor

Gabriela Maria Gregoreki Barazzetti, FSG - Centro Universitário
Estudante de Psicologia
Publicado
2018-06-26
Seção
Grupo de Trabalho 4: Saúde e Direitos Humanos na Era das Vulnerabilidades Sociais