FATORES QUE IMPACTAM NA ROTATIVIDADE DE FUNCIONÁRIOS DA ESCOLA DE EDUCAÇÃO INFANTIL CRIANÇA CRISTAL

  • Giovanna Aparecida da Rolt Faculdade da Serra Gaúcha - FSG
  • Margareth Inês Motter Caregnatto
Palavras-chave: Rotatividade de pessoas. Valorização. Comunicação. Remuneração.

Resumo

Os elevados índices de rotatividade de funcionários podem implicar expressivamente nos resultados organizacionais. Diante desse fato, o presente estudo tem como objetivo identificar os fatores que geram alto índice de rotatividade na Escola de Educação Infantil Criança Cristal, em Caxias do Sul, no estado do Rio Grande do Sul. Para tanto, empregou-se o método de estudo de caso, uma vez que houve uma investigação mais profunda através da aplicação de questionário. Dentre os principais resultados encontrados destacam-se os fatores analisados nas categorias de motivação, valorização, relacionamento, comunicação e remuneração como principais impactantes que levam à rotatividade. Diante deste contexto, o estudo comprova que é possível trabalhar os fatores indicados na pesquisa, de maneira a minimizar os aspectos que geram a rotatividade da Escola de Educação Infantil Criança Cristal. Dessa forma, indicam-se ações no que se refere a treinamento, à qualificação das chefias, bem como melhorar os benefícios para os funcionários. 

Publicado
2012-08-21