Administração de conflitos: Um estudo de caso no grupo de danças do CTG Campo dos Bugres, da Pérola das Colônias, participante do Enart

Marindia Onzi, Margareth Inês Motter Caregnatto

Resumo


O conflito é considerado parte inerente de qualquer organização ou equipe. Assim sendo, o propósito deste trabalho é analisar a influência dos conflitos interpessoais no desempenho dos participantes do grupo de danças do Centro de Tradições Gaúcha Campo dos Bugres, participante do maior festival artístico-cultural amador da América Latina, o ENART, identificando os tipos de conflitos que o grupo enfrenta, quais as variáveis que causam os conflitos e sua interferência no alcance dos objetivos do grupo, levantados pelos próprios dançarinos, coordenadores e músicos. Primeiramente, revisa-se a fundamentação teórica relacionada ao tema, cujos autores principais que fundamentam este assunto são: Martinelli (1998), Moscovici (1985, 1998 e 1999), Rahim (1983, 1986 e 2000) e Robbins (2003 e 2005). A seguir, explana-se sobre os objetivos propostos pela pesquisa e a metodologia aplicada. Concluindo, os resultados mostram que nem sempre o conflito interpessoal influencia negativamente no desempenho da equipe, devendo ser controlado pelo líder para não influenciar negativamente no trabalho.

Palavras-chave


conflito; conflito interpessoal; equipe; grupo; liderança

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.