O CÁLCIO NA PREVENÇÃO DA OSTEOPOROSE

  • AMANDA DE SOUZA NERY Centro Universitário da Serra Gaúcha
  • VICTÓRIA PETRINI BUFFON Centro Universitário da Serra Gaúcha
  • MAURÍCIO SPRENGER BASSUINO Centro Universitário da Serra Gaúcha

Resumo

Os hábitos alimentares estão relacionados de forma crítica na redução do risco de osteoporose por meio dos efeitos de fragilidade e manutenção óssea. Uma dieta rica em cálcio, é importante para a preservação da massa óssea e força, tanto em adultos quanto em idosos. A osteoporose é o desequilíbrio do processo de remodelação óssea que não consegue acompanhar a velocidade da absorção, deixando o osso frágil.  A massa óssea adquirida durante a juventude é um fator determinante na prevenção dos riscos de fraturas osteoporóticas durante a vida adulta. A saúde óssea recai sobre uma combinação de vários fatores, incluindo um padrão alimentar adequado. Baseado no estudo feito com a revisão da literatura, torna-se interessante realizar um estudo na população de Caxias do Sul, Rio Grande do Sul, tendo em vista a frequência da doença em idades mais elevadas.

Biografia do Autor

AMANDA DE SOUZA NERY, Centro Universitário da Serra Gaúcha

Biomedicina

Área da Saúde

VICTÓRIA PETRINI BUFFON, Centro Universitário da Serra Gaúcha

Biomedicina

Área da Saúde

MAURÍCIO SPRENGER BASSUINO, Centro Universitário da Serra Gaúcha

Professor Orientador 

Biomédico

Área da Saúde

Publicado
2017-10-27