PREVALÊNCIA DE NOVOS CASOS DE CÂNCER NO ANO 2017 EM UM HOSPITAL DO SUL DO BRASIL

  • Caroline Marsilio Centro Universitário da Serra Gaúcha - FSG
  • Fernanda Formolo
  • Patrícia Kelly Wilmsen Dalla Santa Spada

Resumo

Segundo o INCA, o câncer é uma das principais causas de morte no mundo. A cada ano aumenta o número de casos em diferentes tecidos e órgãos. Objetivo: verificar a prevalência de novos casos de câncer identificados no ano de 2017 e correlacionar com anos anteriores. Metodologia: estudo retrospectivo transversal realizado no Instituto do Câncer do Hospital Pompéia de Caxias do Sul/RS (INCAN) através do banco de dados do Registro Hospitalar de Câncer (RHC) e análise dos prontuários médicos eletrônicos de pacientes diagnosticados com câncer que tiveram sua primeira consulta na instituição no ano de 2017. Destes extraíram-se dados referentes à neoplasia. Resultados: foram identificados 492 novos casos no período determinado, sendo os de maior prevalência os cânceres de próstata (18,3%), de mama (12,8%) e os linfomas (6,9%). Conclusão: ao comparar os dados obtidos com os de anos anteriores, é notável que os cânceres de próstata e mama se mantiveram entre os mais frequentes, em contrapartida, houve aumento de casos de linfoma.

Biografia do Autor

Caroline Marsilio, Centro Universitário da Serra Gaúcha - FSG
Graduanda do curso de Enfermagem
Publicado
2018-12-28