TOXOPLASMOSE E SAÚDE PÚBLICA

UMA REVISÃO BIBLIOGRÁFICA

  • Bárbara Elisa Somacal Centro Universitário da Serra Gaúcha
  • Liziane Cristina Predebon
  • Felipe Kercher
  • Liziane Bertotti Crippa

Resumo

A Toxoplasmose é uma zoonose causada pelo protozoário Toxoplasma gondii. Sua preponderância pode chegar a um terço da população mundial e no Brasil as estatísticas podem chegar a 80% comparado a outros países. O intuito deste trabalho é realizar uma revisão bibliográfica a cerca da Toxoplasmose, tratando de temas como sintomas, prevenção, transmissão e seu impacto na saúde pública. Os resultados encontrados mostram que a transmissão desta zoonose ocorre por via fecal/oral, ingerindo carnes cruas ou mal passadas e de forma transplacentária. O único hospedeiro definitivo do parasita é o gato, sendo o homem e outros animais de sangue quente seu hospedeiro intermediário. Normalmente a doença se apresenta como assintomática. Sintomas específicos dependem da forma de contração, sendo elas, adquirida durante a gravidez, adquirida congenitamente, obtida por pessoas imunodeficientes, obtida por pessoas imunocompetentes e infecções oculares. As principais formas de prevenção consistem em evitar o contato de forma direta ou indireta com as fezes de felinos, evitar a ingestão de água que não tenha sido filtrada ou fervida e de carnes cruas ou mal cozidas, além de lavar bem frutas e verduras. Gestantes devem realizar uma triagem sorológica no pré-natal com o intuito de detectar a Toxoplasmose e iniciar o tratamento.

Publicado
2020-02-17
Seção
Saúde e Ciências Agroveterinárias - Artigo Completo