EFEITOS DA FOTOBIOMODULAÇÃO EM FERIDAS E CICATRIZES

UMA REVISÃO BIBLIOGRÁFICA

  • Júlia Tartarotti Mandelli
  • Renata D`Agostini Nicolini-Panisson Centro Universitário da Serra Gaúcha/ Professora Doutora Coordenadora do Grupo de Pesquisa em Reabilitação
  • Gisele Oltramari Meneghini

Resumo

As alterações de integridade da pele fazem parte de um grande problema de saúde pública no Brasil, pois embora sejam poucos os casos registrados, sabe-se que há um abrangente número de doentes, além da dificuldade de recuperação destas patologias. Diversos protocolos já foram propostos como tratamento de lesões de pele agudas e crônicas, dentre eles o Laser de Baixa Intensidade. A fotobiomodulação laser ativa componentes da cadeia respiratória das mitocôndrias, iniciando uma cascata de eventos celulares. Essa pesquisa é uma revisão bibliográfica referente à produção de artigos científicos sobre os benefícios da fotobiomodulação aplicada à cura de feridas e cicatrizes, utilizando publicações do período de 2011 a 2018. Tem como objetivo avaliar se essa tecnologia terapêutica possui benefícios suficientes para ser considerada uma opção de tratamento padrão ouro, tendo em vista a dissipação dos profissionais quanto à técnicas empregadas nestes pacientes. Após a análise de dados coletados, pode-se concluir que a fotobiomodulação apresenta diversos benefícios, principalmente tratando-se de modulação do metabolismo celular.

 

Publicado
2020-02-17
Seção
Saúde e Ciências Agroveterinárias - Artigo Completo