NOVAS TECNOLOGIAS DE COMUNICAÇÃO

EVOLUÇÃO DOS DELITOS DE PEDOFILIA EM AMBIENTE VIRTUAL

  • Daniele Gross de Vargas Centro Universitário da Serra Gaúcha
  • Luciana Sirtoli Camello
  • Fábio Agne Fayet de Souza

Resumo

A pesquisa abordada já é recorrente nos debates atuais, em se tratando de  tecnologia sempre há novas descobertas que podem causar extrema preocupação, principalmente quando crianças e adolescentes estão envolvidos. A grande evolução nas tecnologias de comunicação trouxe inúmeros benefícios para a sociedade, ao que se refere ao ambiente de comunicação virtual. Contudo, essa rápida evolução acabou por trazer consigo novos atos ilícitos, não estavam previstos em lei, e as poucas leis que existem não são suficientes para prevenir e punir delitos de pedofilia em ambiente virtual, já que as crianças e adolescentes passam grande parte do tempo em redes sociais, sem a supervisão de um responsável. Os trauma e danos psicológicos causados em crianças vitimas de pedofilia, muitas vezes acabam por ser irreparáveis, já em adolescentes pode ser ainda pior, chegando a levar o adolescente vitima de abusos e assédios virtuais ao suicídio. Por não saberem como lidar com situações assim e na maioria das vezes serem ameaçados se chegarem a fazer alguma denuncia.  Tendo em vista a crescente desses delitos, observa-se a necessidade de medidas de segurança voltada ao combate de crimes cibernéticos.  Dessa forma, o presente estudo tem como objetivo, apresentar o crime de pedofilia virtual, a eficácia do Direito na proteção das crianças e adolescentes e a necessidade de uma legislação mais específica e com mais rigor, punindo com mais rigidez crimes virtuais.

Seção
Ciências Jurídicas e Sociais - Resumo Expandido