ESTUDO DE MÉTODOS PARA REDUÇÃO DE FÓSFORO EM TRATAMENTO BIOLÓGICO

  • Andressa Casiraghi Centro Universitário da Serra Gaúcha
  • Raquel Finkler Faculdade da Serra Gaúcha - FSG

Resumo

Atualmente um dos maiores problemas que a sociedade enfrenta é a contaminação de recursos hídricos por esgoto doméstico lançados muitas vezes sem tratamento ou com tratamento ineficiente. A contaminação pode ocorrer por inúmeros poluentes, porém alguns possuem fácil remoção e outros nem tanto. Por isso, o estudo de alternativas para a  remoção de poluentes é muito importante, uma vez que permite otimizar o tratamento de elementos, tais como o fósforo, que não possui remoção eficiente. O fósforo é um dos elementos causadores da eutrofização de rios e lagos, este fenômeno é responsável por causar a mortandade de peixes e diminuir a qualidade da água, dentre outros problemas. Neste artigo foi realizado uma revisão bibliográfica nas bases da Scielo com o intuito de identificar formas de tratamento biológico de fósforo a partir de organismos acumuladores de fósforo (PAO’s). Entre os métodos analisados, merece destaque o mecanismo de remoção biológica de fósforo avançado (EBPR) que obteve resultados eficientes para a remoção de fósforo. Vale salientar que dentre as pesquisas analisadas, nenhuma trata fósforo individualmente e os resultados para a remoção do mesmo não são precisos.

Publicado
2020-02-20
Seção
Arquitetura, Design e Engenharias - Artigo Completo