O DESIGN E SUA RELAÇÃO COM A PERÍCIA CRIMINAL

Resumo

Este artigo é uma versão resumida do estudo desenvolvido para a monografia do curso de bacharel em design. Ele parte do estudo cujo objetivo geral consistiu em solucionar um problema, que consiste no desenvolvido de uma maleta capaz de auxiliar o profissional de perícia do Instituto Geral de Perícias (IGP) em sua atuação; a partir do uso do design como ferramenta estratégica. Possibilitando objetivos específicos como compreender os aspectos ergonômicos da atuação do profissional de perícia; analisar a aplicabilidade de ferramentas de design e desenvolver uma solução baseada em design para o problema identificado. Por meio de uma pesquisa de natureza descritiva, qualitativa e exploratória, foram estabelecidas ferramentas como questionários para avaliar aspectos de qualidade de vida e escala de dor. Autores como Lobach (2001), Gibbs (2010) e Munari (2010), norteiam a elaboração das metodologias de pesquisa em design e estabelece um roteiro que se encerra na apresentação de uma maleta adequada para as atividades realizadas pelo profissional de perícia.

Biografia do Autor

Carlos Augusto Reinke, FSG - Faculdade da Serra Gaúcha

Doutorando e Mestre em Processos e Manifestações Culturais, pós-graduando em Modelagem de Vestuário e graduado em Moda. Atuou por 7 anos como assistente em desenvolvimento de produto no Centro de Design. Foi professor convidado para ministrar o módulo de Modelagem Digital no Senac Canoas - RS, foi professor no curso de Graduação em Design da Moda do IPA e hoje é professor nos cursos de Estética e Cosmética, e de Design de Moda na Faculdade da Serra Gaúcha e também atua como Tutor EaD no curso de Bacharelado em Moda da Universidade Feevale.

Publicado
2021-03-23
Seção
Arquitetura, Design e Engenharias - Artigo Completo