Escopo da Revista Rhea

 

O objetivo da Revista Rhea é difundir os avanços em Psicologia, através da publicação de trabalhos originais relacionados também a áreas afins. Serão aceitos trabalhos que se enquadrem nas seguintes categorias: artigos de revisão da literatura; artigos de estudo empírico; relatos de experiência/prática profissional. A periodicidade da revista será semestral, sendo adotadas as normas da American Psychological Association (APA) e a política de avaliação às cegas e entre pares. Em caso de artigos que envolvam pesquisas com seres humanos, é imperativo a aprovação em Comitê de Ética em Pesquisa.

 

Instruções aos autores

 

O manuscrito submetido à Revista Rhea deve ser inédito e original, não tendo sido submetido simultaneamente ou publicado em outro meio de divulgação científica ou de pesquisa. Deverá o artigo vir acompanhado de autorização por escrito, cedendo os direitos autorais à Revista. Recomenda-se que, pelo menos, 30% das referências utilizadas tenham sido publicadas nos últimos cinco anos.

 

Categorias do manuscrito

 

  1. Artigos de revisão da literatura - discussão de temas e problemas fundamentados teoricamente. Os artigos poderão ser de revisão sistemática e/ou revisão integrativa, metanálise. É necessário conter: resumo/abstract/resumen, introdução, método, resultados, discussão, considerações finais e referências. Os artigos deverão ter no máximo 25 laudas, a contar a partir da folha de rosto não-identificada.

 

  1. Artigos de estudo empírico - investigação original, de relevância científica. É necessário conter: resumo/abstract/resumen, introdução, método, resultados, discussão, considerações finais e referências. Os artigos deverão ter no máximo 25 laudas, a contar a partir da folha de rosto não-identificada.

 

  1. Relato de experiência/prática profissional - relatos relacionados à experiência e intervenção profissional, de relevância científica para a Psicologia. É necessário conter: resumo/abstract/resumen, introdução, método, resultados, discussão, considerações finais e referências. Os artigos deverão ter no máximo 25 laudas, a contar a partir da folha de rosto não-identificada, acompanhado do número do parecer do respectivo Comitê de Ética em Pesquisa (CEP).

 

Critérios gerais para submissão dos manuscritos

 

-          Os trabalhos enviados podem ser redigidos em português, inglês e espanhol;

-          Espaço duplo, fonte Times New Roman, tamanho 12, margens de 2,54 centímetros, texto alinhado à esquerda;

-          Textos devem ser submetidos em extensão .doc ou .docx;

-          Folha de rosto identificada com nome dos autores, vínculo institucional e endereço para correspondência;

-          Folha de rosto não-identificada com os títulos em português, inglês e espanhol;

-          O título do manuscrito deve conter até 12 palavras, ser centralizado, em negrito e conter letras maiúsculas e minúsculas;

-          O resumo deve ater-se às informações relevantes do artigo contendo objetivo, método, resultados, discussão e considerações finais. De 100 a 150 palavras, e de 3 a 5 palavras-chave em cada um dos resumos, considerando os Descritores em Psicologia (bvs-psi.org.br). O resumo deve estar em português, inglês e espanhol.

-          Tabelas e figuras (gráficos e imagens) devem constar após as referências em formato editável, uma tabela/figura por lauda;

-          As páginas não devem ser numeradas.

      

Critérios gerais para avaliação dos manuscritos

 

O manuscrito original é analisado pela Comissão Editorial pautando-se nos seguintes critérios: (1) originalidade, relevância do tema e qualidade da metodologia científica utilizada; (2) adequação às normas editoriais adotadas pela Revista Rhea.

Caso o trabalho atenda a esses critérios, a Comissão Editorial indicará dois pareceristas (avaliação às cegas), com reconhecida competência na área do manuscrito. Os pareceristas, após análise do manuscrito, recusam ou recomendam a publicação. Cada parecerista emite um parecer e finaliza-o com seu julgamento dentro dos critérios estabelecidos pela Revista Rhea, sendo dois deles com possibilidade de aceitação e um de reprovação: em condição de aceitação com modificações, em condição de aceitação sem modificações, recusado. Após, encaminhar-se-á o manuscrito aos autores.

Quando o manuscrito recebe a avaliação “em condição de aceitação com modificações”, a aceitação pode ser condicionada a modificações que visam a melhorar a clareza ou precisão do texto. A Comissão Editorial tem liberdade para emitir comentários sobre o manuscrito, que serão incorporados à comunicação (via e-mail) da Comissão Editorial, tendo prazo de 20 dias para resposta e reformulação do manuscrito. A decisão final será comunicada aos autores e, em caso de aceite do manuscrito, o mesmo será encaminhado para os procedimentos finais visando à publicação.

A Revista Rhea possuirá os direitos autorais de todos os artigos nela publicados. A reprodução total dos artigos da Revista em outras publicações, ou para qualquer outro fim, por quaisquer meios, requer autorização por escrito da Comissão Editorial. Os artigos aprovados serão disponibilizados na página da Revista, no site do Centro Universitário da Serra Gaúcha - FSG.

Todo e qualquer manuscrito encaminhado à Revista Rhea deve ser acompanhado do documento intitulado Declaração de Responsabilidade e Transferência de Direitos Autorais, que versa sobre aspectos legais e éticos relativos à submissão e publicação de trabalhos nesta Revista. Essa Declaração deve conter o nome, endereço de e-mail e assinatura de todos os autores.

Política de Acesso Livre

Esta revista oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento.

Fontes de Apoio