GESTÃO MATRICIAL DE DESPESAS EM UMA EMPRESA DO SETOR ALIMENTÍCIO: impacto informacional percebido pelos envolvidos na implementação

Marcus Claas, Fernanda Gomes Victor, Wendy Beatriz Witt Haddad Carraro

Resumo


A Gestão Matricial de Despesas (GMD) é uma metodologia importante no apoio ao planejamento e controle, tendo por objetivo principal a redução de gastos. Por se tratar de um método de controle de orçamento, envolve todos os níveis hierárquicos de uma empresa. Neste contexto, este artigo tem por objetivo identificar as percepções de gestores e analistas quanto ao impacto da implementação da GMD em suas atividades operacionais. Para alcançá-lo, a pesquisa foi desenvolvida por meio da coleta de dados, da análise documental, da realização de entrevistas semiestruturadas com 40 colaboradores de uma empresa de grande porte do setor alimentício do Rio Grande do Sul e da observação direta. O estudo apontou, predominantemente, satisfação quanto às características do sistema, considerando a amplitude da empregabilidade da GMD no contexto empresarial, ponderando as dificuldades inerentes aos contextos do conhecimento da ferramenta e da origem dos gastos. Também se identificou que o comprometimento do colaborador ou gestor é determinante na eficácia da aplicabilidade da GMD. Conclui-se, a partir dos dados evidenciados, que a importância do amplo conhecimento acerca da metodologia, uma vez que interfere e produz discrepâncias pertinentes nos resultados almejados. Da mesma forma, sua simetria informacional é importante, já que promove resultados mais confiáveis e exatos, aliada ao comprometimento e à segurança no desenvolvimento das atividades dos colaboradores envolvidos em sua execução. 

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.