DESIGN EDITORIAL DE LIVROS INFANTIS

  • Maria Luisa da Rocha de Rezende Centro Universitário da Serra Gaúcha

Resumo

Diferentemente das publicações didáticas usadas com apoio do professor em sala de aula, o livro paradidático infantil, de contos históricos e ficção, destina-se à sedução, informação e divertimento das crianças em fase de letramento. Além de ser um recurso essencial no processo de primeiro contato com o mundo das letras, o livro de literatura infantil é um poderoso aliado da alfabetização. No atual cenário brasileiro, onde dados de pesquisas em âmbito nacional revelam que o interesse pela leitura vem diminuindo, a publicação desse tipo de obra abre para o designer gráfico oportunidades de atuação profissional – no projeto editorial, conceituação, diagramação, ilustração etc. –, e evidencia o seu importante papel no contexto social e cultural. Tendo isso em mente, o presente artigo faz uma revisão da literatura da área do design, relacionando com exemplos atuais, buscando explicar as categorias existentes de livros infantis, seu teor e elementos gráficos, juntamente com os tipos de comunicação que podem estar presentes em uma publicação, suas aplicações, características e importância.
Publicado
2018-05-02
Seção
Artigos