BAMBU

O DISCURSO DA SUSTENTABILIDADE NA CONSTRUÇÃO

  • Gustavo de Sousa Centro Universitário da Serra Gaúcha
  • Bárbara Jordani Centro Universitário da Serra Gaúcha
  • Rossana Piccoli Centro Universitário da Serra Gaúcha

Resumo

No presente momento, a construção civil utiliza muitos materiais que são agressivos ao meio ambiente. Portanto, vive-se em uma busca constante para se encontrar novas soluções construtivas que possam trazer sustentabilidade sem perder a sua função primordial. O bambu surge como uma tendência que se originou no oriente, que pode contribuir para a diminuição das emissões de carbono, além de apresentar ótimos condicionantes quanto as suas características gerais, ressaltando as suas prospectas propriedades físicas e mecânicas. Eventualmente, pode-se encontrar alguns autores o chamando de “o aço da natureza”, pois algumas espécies detêm-se de valores muito apreciativos em relação à tração, compressão e flexão. No entanto, apesar das possibilidades as quais se pode ter com este material, ainda se tem muito preconceito no que diz respeito à sua utilização. Um ponto positivo no qual concerne a este arbóreo é a possibilidade de adaptação em diversificados solos, além de apresentar taxas de crescimento muito elevadas. O respectivo trabalho busca em referenciais teóricos as características do bambu, suas propriedades físicas e mecânicas, e a sua utilização em projetos reais no Brasil e pelo mundo. Também se realizou uma pesquisa qualitativa com uma empresa nacional, com o objetivo de reafirmar e simplificar, ou não, a possibilidade da valorização do bambu pela construção civil no país. Com base na pesquisa desenvolvida, entende-se que este material pode trazer benesses sustentáveis para o ramo da construção civil.

Publicado
2019-06-14
Seção
Tecnologias Ambientais: tecnologias de produção mais limpa, controle de poluição, tecnologias para sistemas de gestão e